Governo aponta que população tem contribuído para atrair piranhas no Manso

Empresários que têm comércios no Lago do Manso se reuniram com gestores do governo estadual na manhã desta terça-feira (23) para discutir ações contra os ataques de piranhas, que têm se tornado cada vez mais frequentes no local.

Apontamento do governo indica que as piranhas estão sendo atraídas até o local por conta de ação humana, uma vez que diversos frequentadores alimentam peixes no lago e isso acaba por atrair as espécies carnívoras.

De acordo com o secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno, a medida é importante. “A gente sabe da importância que o Lago do Manso tem para o turismo e para a sociedade civil e iremos encontrar mais rápido possível a solução para esse problema”, assegura.

Um dos principais problemas apresentados foi a necessidade da conscientização coletiva da população, já que muitas pessoas acabam alimentado peixes e jogando comida na água, o que acaba contribuindo para atrair as piranhas. Além disso, a compra de predadores, como tem sido feito por muitos moradores da região, pode desequilibrar o ecossistema, já que peixes como tucunaré comem não apenas piranhas, mas também outros peixes.

“A Sema está orientando os interessados sobre os estudos necessários, antes da autorização de soltura de qualquer espécie nos rios e lagos de MT. Vamos registrar essas informações dos ataques num banco de dados e avaliar a melhor alternativa”, afirma Valmir Lima, superintendente de Licenciamento da Secretaria de Meio Ambiente.

É recomendável que turistas e moradores da região não atirem comida nas águas e nem entrem no lago com feridas não cicatrizadas, de acordo com a Secretária de Estado de Meio Ambiente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

Supermercados tentam ampliar horário de funcionamento; desembargadora nega

A desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos negou um pedido da Associação de Supermercados de Mato Grosso (Asmat), contra o decreto do Estado que fixou...

MT bate 2,7 mil casos de Covid em 24 horas e UTIs chegam a 96,8% de ocupação

Mato Grosso atingiu números assustadores da pandemia nas últimas 24 horas. Foram notificados 2.748 novos casos da doença. A taxa de ocupação chegou a 96,86%...

Operação cumpre 24 mandados de prisão contra membros de facção criminosa

Vinte e quatro mandados judiciais com alvo em uma organização criminosa atuante na região leste do estado são cumpridos pela Polícia Civil, na manhã...

Related Articles

Supermercados tentam ampliar horário de funcionamento; desembargadora nega

A desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos negou um pedido da Associação de Supermercados de Mato Grosso (Asmat), contra o decreto do Estado que fixou...

MT bate 2,7 mil casos de Covid em 24 horas e UTIs chegam a 96,8% de ocupação

Mato Grosso atingiu números assustadores da pandemia nas últimas 24 horas. Foram notificados 2.748 novos casos da doença. A taxa de ocupação chegou a 96,86%...

Operação cumpre 24 mandados de prisão contra membros de facção criminosa

Vinte e quatro mandados judiciais com alvo em uma organização criminosa atuante na região leste do estado são cumpridos pela Polícia Civil, na manhã...